Scielo RSS <![CDATA[Revista da Associacao Paulista de Cirurgioes Dentistas]]> http://revodonto.bvsalud.org/rss.php?pid=0004-527620160004&lang=pt vol. 70 num. 4 lang. pt <![CDATA[SciELO Logo]]> http://revodonto.bvsalud.org/img/en/fbpelogp.gif http://revodonto.bvsalud.org <![CDATA[<b>Novidades no conteúdo</b>]]> http://revodonto.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-52762016000400001&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt <![CDATA[<b>O estado atual e os avanços no diagnóstico da doença periodontal e da cárie dentária</b>]]> http://revodonto.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-52762016000400002&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt O diagnóstico das manifestações ocorridas no sistema estomatognático deve ser ancorado em dois pilares: I) o exame clínico que é composto pelo exame físico e uma anamnese detalhada e II) o uso de exames complementares ao diagnóstico (laboratoriais, de imagem, etc.). O rápido avanço científico e tecnológico dos últimos anos tem proporcionado o desenvolvimento de novos métodos e tornado outros mais acessíveis à população. Neste contexto, o Cirurgião-Dentista tem à disposição inúmeros exames que auxiliam a tomada de decisão na sua prática clínica, tais como: os exames por imagens bi e tridimensionais, exames bioquímicos (sangue, saliva ou urina) e exames moleculares (teste de imunoensaio para dosar antígenos e anticorpos ou quantificação de DNA bacteriano). Assim, essa revisão da literatura específica sobre o diagnóstico das doenças periodontais e da cárie dental tem como objetivos apresentar uma discussão sobre o tema, os recentes avanços e as perspectivas do benefício para a população em relação a prognosticar, tratar e prevenir doenças.<hr/>The diagnosis of the clinical conditions of the stomatognathic system is based on two main principles: I) the clinical examination which consists of the physical examination and a careful medical history evaluation and II) the use of complementary examinations to diagnosis (laboratory, imaging, etc.). The rapid scientific and technological advances of recent years have produced the development of new methods and have made others more accessible to the population. In this context, the dentist has available numerous tests that help decision making in clinical practice, such as examinations for bi and tri-dimensional images, biochemical tests (blood, saliva or urine) and molecular tests (immunoassay tests to quantitate antigens and antibodies or quantification of bacterial DNA). Thus, this review of the literature on the diagnosis of periodontal disease and dental caries aims to present a discussion on the topic, the recent advances and perspectives of the benefit to the population with regarding to predict, to treat and to prevent diseases. <![CDATA[<b>Técnica de moldagem modificada usando silicona de adição</b>]]> http://revodonto.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-52762016000400003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt A técnica descrita possibilita o uso de silicona de adição, um dos materiais mais usados para moldagem, através de um procedimento simples e rápido que pode ser amplamente usado nos procedimentos protéticos. A partir da remoção de uma parte do material pesado, realiza-se a confecção de um casquete de silicona de adição semelhante àqueles confeccionados com resina acrílica e com a mesma capacidade de afastamento dos tecidos moles ao redor do preparo, possibilitando uma moldagem detalhada das margens sem provocar danos aos tecidos. Esta simples modificação na técnica pode melhorar a qualidade da moldagem de preparos dentais sem adição de tempo e custo.<hr/>The described technique allows the use of vinyl polysiloxane, one of the most used materials on impression, through a simple and fast procedure that can be widely used in prosthetic procedures. By removing a part of the heavy material, a vinyl polysiloxane coping is made, similar to those made with acrylic resin and with the same capacity of displacing the soft tissue around the preparation, allowing an detailed impression of the margins without damage of this tissue. This simple change in technique can improve the quality of dental impressions with no added cost or time. <![CDATA[<b>Impacto das condições de saúde bucal sobre a qualidade de vida de crianças com deficiências visuais e auditivas</b>]]> http://revodonto.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-52762016000400004&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo: Avaliar o impacto das condições bucais na qualidade de vida relacionada à saúde bucal (QVRSB) de crianças com deficiências visuais e auditivas. Materiais e Métodos: Pais/ cuidadores de 60 crianças responderam as versões peruanas dos questionários ECOHIS e P-CPQ para crianças de 3 a 5 anos e de 6 a 14 anos, respectivamente. A cárie dentária, necessidade de tratamento dentário, traumatismos dentários e maloclusões foram avaliados. Resultados: Os modelos finais ajustados para o ECOHIS e P-CPQ mostraram que a alta gravidade de cárie e o aumento nos índices ceod+CPOD, respectivamente, tiveram um impacto negativo na QVRSB das crianças (p<0,001). Crianças com necessidades de tratamento graves mostraram um impacto negativo no domínio de sintomas orais para o ECOHIS (RR=1.90; p=0.016), enquanto qualquer necessidade de tratamento teve um impacto negativo na QVRSB (p<0,001). Conclusões: A alta experiência de cárie e a necessidade de tratamento dentário estão associadas com um impacto negativo sobre a QVRSB de crianças com deficiências visuais e auditivas, enquanto que os traumatismos dentários e maloclusões não têm impacto. Programas de educação em saúde bucal devem ser direcionados na busca de novas estratégias para prevenir cárie dentária e seu tratamento em pacientes com deficiências sensoriais.<hr/>Purpose: To assess the impact of oral conditions on the oral-health-related quality of life (OHRQoL) of children with visual and hearing impairments. Materials and Methods: Parents/ caregivers of 60 children answered the Peruvian versions of the ECOHIS and the P-CPQ, for children aged 3 to 5 years and 6 to 14 years, respectively. Dental caries, dental treatment needs, traumatic dental injuries and malocclusions were assessed. Results: The final adjusted models for ECOHIS and P-CPQ showed that high severity of caries and the increase in dmft+DMFT, respectively, had a negative impact on children's OHRQoL (p<0.001). Children with severe treatment needs showed a negative impact on the symptoms' domain of the ECOHIS (RR=1.90; p=0.016), whereas any dental treatment need had a negative impact on total P-CPQ-scores (p<0.001). Conclusions: High caries experience and severity and dental treatment needs are associated with a negative impact on OHRQoL of children with visual and hearing impairments, whereas TDIs and malocclusions do not. Oral health education programs should be directed to seek new strategies for prevention of this dental caries and their treatment in patients with sensorial impairments. <![CDATA[<b>International Association for Dental Traumatology (IADT)</b>   <b>Traumatic Dental Injuries: Adherence to Treatment Guidelines Critical to Positive Patient Outcomes</b>]]> http://revodonto.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-52762016000400005&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo: Avaliar o impacto das condições bucais na qualidade de vida relacionada à saúde bucal (QVRSB) de crianças com deficiências visuais e auditivas. Materiais e Métodos: Pais/ cuidadores de 60 crianças responderam as versões peruanas dos questionários ECOHIS e P-CPQ para crianças de 3 a 5 anos e de 6 a 14 anos, respectivamente. A cárie dentária, necessidade de tratamento dentário, traumatismos dentários e maloclusões foram avaliados. Resultados: Os modelos finais ajustados para o ECOHIS e P-CPQ mostraram que a alta gravidade de cárie e o aumento nos índices ceod+CPOD, respectivamente, tiveram um impacto negativo na QVRSB das crianças (p<0,001). Crianças com necessidades de tratamento graves mostraram um impacto negativo no domínio de sintomas orais para o ECOHIS (RR=1.90; p=0.016), enquanto qualquer necessidade de tratamento teve um impacto negativo na QVRSB (p<0,001). Conclusões: A alta experiência de cárie e a necessidade de tratamento dentário estão associadas com um impacto negativo sobre a QVRSB de crianças com deficiências visuais e auditivas, enquanto que os traumatismos dentários e maloclusões não têm impacto. Programas de educação em saúde bucal devem ser direcionados na busca de novas estratégias para prevenir cárie dentária e seu tratamento em pacientes com deficiências sensoriais.<hr/>Purpose: To assess the impact of oral conditions on the oral-health-related quality of life (OHRQoL) of children with visual and hearing impairments. Materials and Methods: Parents/ caregivers of 60 children answered the Peruvian versions of the ECOHIS and the P-CPQ, for children aged 3 to 5 years and 6 to 14 years, respectively. Dental caries, dental treatment needs, traumatic dental injuries and malocclusions were assessed. Results: The final adjusted models for ECOHIS and P-CPQ showed that high severity of caries and the increase in dmft+DMFT, respectively, had a negative impact on children's OHRQoL (p<0.001). Children with severe treatment needs showed a negative impact on the symptoms' domain of the ECOHIS (RR=1.90; p=0.016), whereas any dental treatment need had a negative impact on total P-CPQ-scores (p<0.001). Conclusions: High caries experience and severity and dental treatment needs are associated with a negative impact on OHRQoL of children with visual and hearing impairments, whereas TDIs and malocclusions do not. Oral health education programs should be directed to seek new strategies for prevention of this dental caries and their treatment in patients with sensorial impairments. <![CDATA[<b>Resumos Expandidos - 35º CIOSP - Fóruns científicos </b>   <b>Comparação da desinfecção dos cones de guta-percha que precedem a obturação endodôntica</b>]]> http://revodonto.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-52762016000400006&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo: Avaliar o impacto das condições bucais na qualidade de vida relacionada à saúde bucal (QVRSB) de crianças com deficiências visuais e auditivas. Materiais e Métodos: Pais/ cuidadores de 60 crianças responderam as versões peruanas dos questionários ECOHIS e P-CPQ para crianças de 3 a 5 anos e de 6 a 14 anos, respectivamente. A cárie dentária, necessidade de tratamento dentário, traumatismos dentários e maloclusões foram avaliados. Resultados: Os modelos finais ajustados para o ECOHIS e P-CPQ mostraram que a alta gravidade de cárie e o aumento nos índices ceod+CPOD, respectivamente, tiveram um impacto negativo na QVRSB das crianças (p<0,001). Crianças com necessidades de tratamento graves mostraram um impacto negativo no domínio de sintomas orais para o ECOHIS (RR=1.90; p=0.016), enquanto qualquer necessidade de tratamento teve um impacto negativo na QVRSB (p<0,001). Conclusões: A alta experiência de cárie e a necessidade de tratamento dentário estão associadas com um impacto negativo sobre a QVRSB de crianças com deficiências visuais e auditivas, enquanto que os traumatismos dentários e maloclusões não têm impacto. Programas de educação em saúde bucal devem ser direcionados na busca de novas estratégias para prevenir cárie dentária e seu tratamento em pacientes com deficiências sensoriais.<hr/>Purpose: To assess the impact of oral conditions on the oral-health-related quality of life (OHRQoL) of children with visual and hearing impairments. Materials and Methods: Parents/ caregivers of 60 children answered the Peruvian versions of the ECOHIS and the P-CPQ, for children aged 3 to 5 years and 6 to 14 years, respectively. Dental caries, dental treatment needs, traumatic dental injuries and malocclusions were assessed. Results: The final adjusted models for ECOHIS and P-CPQ showed that high severity of caries and the increase in dmft+DMFT, respectively, had a negative impact on children's OHRQoL (p<0.001). Children with severe treatment needs showed a negative impact on the symptoms' domain of the ECOHIS (RR=1.90; p=0.016), whereas any dental treatment need had a negative impact on total P-CPQ-scores (p<0.001). Conclusions: High caries experience and severity and dental treatment needs are associated with a negative impact on OHRQoL of children with visual and hearing impairments, whereas TDIs and malocclusions do not. Oral health education programs should be directed to seek new strategies for prevention of this dental caries and their treatment in patients with sensorial impairments. <![CDATA[<b>Resumos Expandidos - 35º CIOSP - Fóruns clínicos </b>   <b>Restabelecimento da dimensão vertical de oclusão (DVO) e recuperação de suportes cêntricos da mandíbula</b>]]> http://revodonto.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-52762016000400007&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo: Avaliar o impacto das condições bucais na qualidade de vida relacionada à saúde bucal (QVRSB) de crianças com deficiências visuais e auditivas. Materiais e Métodos: Pais/ cuidadores de 60 crianças responderam as versões peruanas dos questionários ECOHIS e P-CPQ para crianças de 3 a 5 anos e de 6 a 14 anos, respectivamente. A cárie dentária, necessidade de tratamento dentário, traumatismos dentários e maloclusões foram avaliados. Resultados: Os modelos finais ajustados para o ECOHIS e P-CPQ mostraram que a alta gravidade de cárie e o aumento nos índices ceod+CPOD, respectivamente, tiveram um impacto negativo na QVRSB das crianças (p<0,001). Crianças com necessidades de tratamento graves mostraram um impacto negativo no domínio de sintomas orais para o ECOHIS (RR=1.90; p=0.016), enquanto qualquer necessidade de tratamento teve um impacto negativo na QVRSB (p<0,001). Conclusões: A alta experiência de cárie e a necessidade de tratamento dentário estão associadas com um impacto negativo sobre a QVRSB de crianças com deficiências visuais e auditivas, enquanto que os traumatismos dentários e maloclusões não têm impacto. Programas de educação em saúde bucal devem ser direcionados na busca de novas estratégias para prevenir cárie dentária e seu tratamento em pacientes com deficiências sensoriais.<hr/>Purpose: To assess the impact of oral conditions on the oral-health-related quality of life (OHRQoL) of children with visual and hearing impairments. Materials and Methods: Parents/ caregivers of 60 children answered the Peruvian versions of the ECOHIS and the P-CPQ, for children aged 3 to 5 years and 6 to 14 years, respectively. Dental caries, dental treatment needs, traumatic dental injuries and malocclusions were assessed. Results: The final adjusted models for ECOHIS and P-CPQ showed that high severity of caries and the increase in dmft+DMFT, respectively, had a negative impact on children's OHRQoL (p<0.001). Children with severe treatment needs showed a negative impact on the symptoms' domain of the ECOHIS (RR=1.90; p=0.016), whereas any dental treatment need had a negative impact on total P-CPQ-scores (p<0.001). Conclusions: High caries experience and severity and dental treatment needs are associated with a negative impact on OHRQoL of children with visual and hearing impairments, whereas TDIs and malocclusions do not. Oral health education programs should be directed to seek new strategies for prevention of this dental caries and their treatment in patients with sensorial impairments. <![CDATA[<b>Resumos Expandidos - 35º CIOSP - Painéis </b>   <b>Métodos qualitativos na estimativa do sexo em Odontologia Legal</b>]]> http://revodonto.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0004-52762016000400008&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt Objetivo: Avaliar o impacto das condições bucais na qualidade de vida relacionada à saúde bucal (QVRSB) de crianças com deficiências visuais e auditivas. Materiais e Métodos: Pais/ cuidadores de 60 crianças responderam as versões peruanas dos questionários ECOHIS e P-CPQ para crianças de 3 a 5 anos e de 6 a 14 anos, respectivamente. A cárie dentária, necessidade de tratamento dentário, traumatismos dentários e maloclusões foram avaliados. Resultados: Os modelos finais ajustados para o ECOHIS e P-CPQ mostraram que a alta gravidade de cárie e o aumento nos índices ceod+CPOD, respectivamente, tiveram um impacto negativo na QVRSB das crianças (p<0,001). Crianças com necessidades de tratamento graves mostraram um impacto negativo no domínio de sintomas orais para o ECOHIS (RR=1.90; p=0.016), enquanto qualquer necessidade de tratamento teve um impacto negativo na QVRSB (p<0,001). Conclusões: A alta experiência de cárie e a necessidade de tratamento dentário estão associadas com um impacto negativo sobre a QVRSB de crianças com deficiências visuais e auditivas, enquanto que os traumatismos dentários e maloclusões não têm impacto. Programas de educação em saúde bucal devem ser direcionados na busca de novas estratégias para prevenir cárie dentária e seu tratamento em pacientes com deficiências sensoriais.<hr/>Purpose: To assess the impact of oral conditions on the oral-health-related quality of life (OHRQoL) of children with visual and hearing impairments. Materials and Methods: Parents/ caregivers of 60 children answered the Peruvian versions of the ECOHIS and the P-CPQ, for children aged 3 to 5 years and 6 to 14 years, respectively. Dental caries, dental treatment needs, traumatic dental injuries and malocclusions were assessed. Results: The final adjusted models for ECOHIS and P-CPQ showed that high severity of caries and the increase in dmft+DMFT, respectively, had a negative impact on children's OHRQoL (p<0.001). Children with severe treatment needs showed a negative impact on the symptoms' domain of the ECOHIS (RR=1.90; p=0.016), whereas any dental treatment need had a negative impact on total P-CPQ-scores (p<0.001). Conclusions: High caries experience and severity and dental treatment needs are associated with a negative impact on OHRQoL of children with visual and hearing impairments, whereas TDIs and malocclusions do not. Oral health education programs should be directed to seek new strategies for prevention of this dental caries and their treatment in patients with sensorial impairments.